RSS Feed

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Devaneios de uma madrugada

Bom, faz algum tempo que não posto nada por aqui. Esse período de ausência foi um tanto quanto tortuoso. Coisas boas aconteceram, outras ruins (consequências das primeiras), enfim. Nada muito interessante.
Mais uma madrugada de insônia. Acabei ainda a pouco um estudo sobre as formulações dos dois princípios fundamentais do aparelho mental, um texto de Freud, não é de todo ruim. Tentei dormir um tanto, mas, mais uma vez, não consegui, e para piorar minha situação, minhas atividades iniciam bem cedo, ainda não sei ao certo como farei tais coisas.
Deitado por alguns instantes, comecei a pensar em coisas que assustam as pessoas. Pensei no futuro. Palavra medonha essa: FUTURO. Tudo tão incerto, tudo tão inseguro. Às vezes busco entender o real sentido de planejar tantas coisas na minha vida se tudo é alicerçado no plano, exclusivamente, da ideia. E o mais engraçado, passam dias, semanas, meses e as coisas ficam cada vez mais distantes. Teria eu planejado tudo errado? Carreira, relacionamentos, viagens. Tudo tão inútil. Quase começando a me lançar ao acaso. No plans, no intends. Porém, acho que minha vida acabaria, não? O que ainda me motiva a viver são meus objetivos. A hora que isso acabar, todo o resto também cessa.
Enquanto as pretensões não acontecem, me resta falar de mim mesmoe de como as coisas nunca acontecem como as imagino.
E não. Não estou deprimido, caro leitor. Apenas o devaneio de uma noite de insônia e tédio.

Até uma próxima postagem, meus queridos.

Sem beijos especiais dessa vez.

Bennuh 

4 comentários:

Fernanda Azevedo disse...

Onde você aprendeu a me descrever tão bem, Dieguinho?! :p

Adoro-te, pequeno gafanhoto! =P

Beijos

Roberta Garcia Zocrato disse...

Aaaah adorei o texto,Di!
Quem nunca teve um devaneio durante a madrugada que atire a primeira pedra,né?!?!
Beijocas

Bruna Vargas Duarte disse...

Adoro a tua escrita!

Será que alguém me lê? disse...

Ok! MEu querido, só não se esqueça de que só temos o AGORA. O ontem já era. O amanhã pertence a Deus! Viva bem o hoje! Para cada dia bastam suas preocupações! Viva feliz o HOJE!

uM ABRAÇO,

Postar um comentário